Amamentar é fácil. Difícil é ser mamífera na nossa sociedade tecnocrata!

quarta-feira, dezembro 06, 2006

5 REGRAS MENTAIS PARA AMAMENTAR COM SUCESSO

Já amamento a minha filhota há um ano e tenciono continuar. Sempre estive consciente que queria e iria conseguir amamentar, no entanto, confesso que houve momentos em que senti algum receio de falhar. É perfeitamente natural, especialmente sendo mamã primípara como é o meu caso. Senti, então necessidade de desenvolver uma estratégia. Assim, criei estas 5 regras mentais que fizeram toda a diferença.
Espero que também vos sejam úteis.

1. Acreditar que é capaz de amamentar, sem, no entanto, ficar obcecada com essa ideia o que poderá causar alguma pressão e desconforto;
2. Não se deixar influenciar por crendices e mitos gerados em torno da amamentação;
3. Pensar no acto de amamentar como um momento de partilha, e cumplicidade com o bebé, durante o qual nada mais importa, somente os dois e a vossa união;
4. Não fazer planos de quanto tempo quer amamentar pois esta programação pode ser mais prejudicial do que benéfica;
5. O sucesso da amamentação reside em viver um dia de cada vez, isto é, se a mamã pensar que faltam 4 ou 5 meses para terminar o período de amamentação em exclusivo, isto poderá parecer muito tempo e a insegurança poderá apoderar-se da mamã, o que dificulta a amamentação, mas se viver um dia de cada vez quando olhar para trás vai ver que já passou imenso tempo.

2 Comments:

Blogger Sandra said...

Olá Sónia,

Descobri este cantinho hoje e achei muito útil.

Tenho dois filhotes, um com 3 anos e outro com 14 meses e ainda estou a amamentar o 2º.

Fiz um link sobre o teu post sobre a queda de cabelo para o meu blog, espero que não te importes.

Obrigada,

Sandra

9:53 da manhã  
Blogger Sandra J. said...

Olá!
Vim cá ter através da menina do comentário anterior e gostei muitodo que li por aqui. Amamentei o meu filho até aos 16 meses e a minha filha até ao passado mês em que tinha 17 meses. Foi o que mais gostei de fazer: amamentá-los.
Bjs

3:06 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home